terça-feira, 25 de agosto de 2009

A promessa

.




Ásperas palavras.
Dor, ao descerem crânio adentro.
Entram, descuidadas.
Parecem percorrer todo seu corpo.
Machucando.
Moendo.

Ao ouvir tais palavras, não se agüenta.
Sente.
Senta.
Se enrola.
Chora.

Sem apoio, sem consolo.
Nada há.
Nada poderia lhe ajudar.
Ninguém.
além dele mesmo.

Era a morte.
A fria morte de sua amada.
E ele sentia algo morrer dentro dele.
Esvaia-se uma parte de sua existência.
Evaporava.

Sangue, transparente.
Escoria de seus olhos.
Caia.
Pingava.
Explosões de sua alma.

Ao ver aquilo se imaginava como o choro.
caido.
derrubado.
quebrado.
Espalhado.
morto.


Estava deitado.
Na rua.
no chão.

Já não se sentia preocupado, como antes estava.
não havia mais porque se preocupar.
Sua preocupação passara.

A morte ficara.

Fria.
Imaculada.
Eterna.

Dor.
Amor.

e então ?



.

12 comentários:

  1. Todos anseiam o toque, todos querem sentir, todos querem o calor, é amor, por isso tememos a morte ela é fria solitária, nunca mais iremos sentir o calor do toque ela é fria como o amor. O amor é isso, a oscilação do mais quente toque a mais fria solidão.

    ResponderExcluir
  2. Nem todos anseiam pelo amor, calor ou toque. Há aqueles que vêm na solidão um refúgio simples, e também aqueles que vêm nela o mais cruel algoz. Temermos a nossa morte é natural. Temer a morte do outro pode ser um gesto irônico demais.

    ResponderExcluir
  3. Tauã, por que fazem sexo?, o momento do orgasmos é momento que estamos mais vivos. Quando falo "Todos..." me refiro a essência da motivação humana. Quem quer morrer sem nunca ter tido um orgasmo?

    ResponderExcluir
  4. E não é natural temer a morte, pois a morte é natural.

    ResponderExcluir
  5. Acontece que somos seres conscientes de racionalização. Não é natural o ser humano temer a morte? Diga isso para os antigos alquimistas e eles vão rir.

    Quem quer morrer sem nunca ter visto a morte? Querer sexo, é a mesma coisa.

    ResponderExcluir
  6. Limitar tudo isso aos prazeres do orgasmo e da carência... é uma das formas de ver o mundo.

    ResponderExcluir
  7. Tauã, então queres um debate mais profundo, então faremos um.
    Os medos são formados por uma pequena parcela de instintos e grande parcela de aprendizagem social, se pararmos para avaliar todas as relações humanas ou não, são duradouras. Por isso falo que a morte é natural e percebemos cotidianamente que vamos morre. Quando trouxe a discussão para os prazeres carnais, com o intuito de simplificar o que estou dizendo, mas vejo que não passou a mensagem que eu queria, ou passou, mas não foi compreendida, tanto faz esse não é o ponto. A construção do medo da morte vem da idéia, de que quando morremos vamos ser julgados, daí começamos a nos apegar a tudo, hoje a idéia de perder tudo que a vida proporciona é muito mais tensa, do que enfrentar o juízo final, risos, "Há aqueles que vêm na solidão um refúgio simples" sinto um puta medo nessa frase, mas cara é claro que quando eu falo Todos, eu falo de uma forma geral de tudo, mas cada um é um ser particular, com as suas coisas e isso é fascinante, eu amo os homens(no sentido de humanos) por isso, somos tão diferentes, eu gostaria de conhecer todos saber de todos, e por isso tenho que concordar que existe aqueles com características que se contra põe ao resto, por isso preferem o frio, o não-toque, a solidão, mas temos que concordar que nossa espécie vive em bandos, por tanto o natural é desejar o calor

    ResponderExcluir
  8. sabiam que a dor e o prazer vem do mesmo lugar do cérebro? essa conecção entre esses dois pontos, acho isso muito assustador.

    bom...

    nesse mundo, tem gente pra tudo.
    viciados em sexo
    monges ermitões
    assasinos psicóticos
    cada um na sua.
    ou não.
    morte não é legal, mas é, com certeza, uma boa coisa para discutir.

    quando eu disse amada no meu texto, eu n me referi especificamente a uma pessoa, não me referi a nada, me referi a amada e só.

    ResponderExcluir
  9. Coisa linda. Muita sensibilidade, jeito gostoso de falar (com rimas boas), leve e "de amor e dor"... Sou fã sua já, adorei o pouco que li e virei ler-lhe mais.
    Gabi

    ResponderExcluir
  10. Adorei , muito lindo. Tera um otimo futuro com isso. Sou fã sua já, adorei o pouco que li e virei ler-lhe mais. 2

    ResponderExcluir